sábado, 8 de abril de 2017

Arquivo Histórico FOpEsp nº 1: SAS na Segunda Guerra Mundial (1939-1945)

Apresentação


A seção "Arquivo Histórico FOpEsp" foi idealizada com o objetivo de homenagear unidades de elite de épocas distintas, cuja relevância de seus feitos contribuíram substancialmente para o desenvolvimento da modalidade de guerra não convencional. 
Como conhecimento resultante da investigação do Homem inserido em um contexto espaço-temporal, a História analisa as ocorrências do passado valendo-se de diferentes elementos: Vestígios (objetos e construções em geral); Tradições (narrações, lendas, canções entre outras manifestações orais); Documentos (toda e qualquer fonte escrita) para a compreensão de eventos ocorridos em períodos específicos. 
Assinada por Anderson Subtil*, a seção Arquivo Histórico FOpEsp apresenta-nos ilustrações apuradas, criadas para retratar, com riqueza de detalhes, o cotidiano dos operadores do passado, reproduzindo no papel o conjunto de uniformes, armas e equipamentos utilizados por eles no engajamento em questão. Nesse contexto, a seção Arquivo Histórico FOpEsp evidencia-se como uma importante contribuição para que as novas gerações percebam, compreendam e reconheçam quão significativas foram as contribuições ofertadas pelas tropas especiais nos conflitos e/ou missões que se envolveram no decorrer da História.


Regimento do Serviço Aéreo Especial (SAS)
Special Air Service Regiment


Unidade idealizada em 1941 pelo Tenente Archibald David Stirling, membro da Real Guarda Escocesa, após sucessão de fracassos experimentados pelo Commando 8 no Oriente Médio. Caracterizava-se por ser uma tropa ofensiva de tamanho reduzido, dotada de grande mobilidade, operando com autonomia atrás das linhas inimigas evitando ser detectada por forças inimigas. O SAS era responsável por atacar alvos estratégicos ou de oportunidade, destacando-se pelo assédio às linhas de comunicação alemãs e aos campos de pouso que recebiam aviões da Luftwaffe (Força Aérea alemã) na região Norte do continente africano.


Primeiro-Tenente do Regimento SAS na Líbia em novembro de 1942. (Ilustração: Anderson Subtil, exclusivamente para a seção "Arquivo Histórico FOpEsp").

Facilmente reconhecido pela espessa barba e pelo shemagh árabe com agal preto, este oficial do SAS envolvido em patrulhas de longo alcance pelo deserto do Norte da África, entre o final de 1941 e o início de 1943, aparece aqui vestindo o característico khaki dress dos oficiais britânicos na região e bermudas tipo "Bombay". Nos pés, além das meias que sobem até quase os joelhos, calça os tipicos "chuka boots" britânicos, muito apreciados e bem mais confortáveis e leves que as botas convencionais. O único equipamento de combate é o cinto de lona modelo 1937, de onde pendem o coldre para uma arma curta (que poderia ser um revólver Enfield ou uma pistola Colt) e o punhal Fairbairn-Sykes, arma que se tornaria quase um símbolo das Forças de Operações Especiais de Sua Majestade durante a Segunda Guerra Mundial. A tiracolo  está seu armamento principal: uma submetralhadora Thompson 1928, calibre. 45. Apesar de um tanto grande e pesada para uma arma do seu tipo, a 1928, bem como sua evolução (a Thompson M-1), foram fornecidas em grande quantidade aos britânicos, sendo muito apreciadas por seu alto poder de fogo.


Materiais utilizados na confecção da ilustração: Papel canson amarelo; lapiseira nº 2 grafite 4B; lapiseira nº 0,5 grafite 2B; lapiseira nº 0,7 grafite HB, caneta ponta 0,4 marca Stabilo.

Aproveite para conhecer a História das Operações Especiais em uma série de três vídeos divulgados pelo Canal FOpEsp no You Tube (no link abaixo apresentamos a segunda parte dessa série. CONFIRA!)



* Anderson Subtil é natural de Curitiba-PR, onde estudou na Escola de Música e Belas-artes do Paraná. Trabalha como Artista Gráfico, Arte Finalista e Produtor Gráfico, tanto no mercado editorial quanto na indústria gráfica. Atua, paralelamente, como pesquisador autodidata de assuntos militares e de Defesa, com especial interesse na história da Segunda Guerra Mundial, tropas de relevância histórica e unidades especiais. Compõe o grupo de colaboradores das revistas Tecnologia e Defesa e Tecnologia e Defesa  Segurança, respondendo ainda pela correspondência da afamada revista Espanhola Soldiers RAIDS no Brasil. 




Nenhum comentário:

Postar um comentário